Calendário

Novembro 2020
Seg Ter Qua Qui Sex Sáb Dom
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
20
21
22
23
24
29

Estudo mostra que dores na coluna aumentaram muito durante a pandemia

Uma pesquisa desenvolvida pela UFMG, Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) e Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), que pretende identificar como a pandemia tem afetado a vida dos brasileiros em diversos aspectos, revelou que 41% das pessoas sentem dores na coluna. Segundo a Pesquisa Nacional de Saúde realizada pelo IBGE em 2013, este número era de 18,5%.

Para Deborah Malta, professora da Escola de Enfermagem da UFMG e coordenadora do estudo ConVid – Pesquisa de Comportamento, “o aumento na ansiedade e o estado de ânimo pior, juntamente com a redução drástica de atividade física e longos períodos em frente às telas, podem estar associados ao crescimento desses índices”.

Com a adoção do trabalho remoto por empresas e profissionais autônomos, o tempo em frente ao computador também chama a atenção dos especialistas. Em entrevista à TV UFMG, Ada Ávila, professora do Departamento de Medicina Preventiva e Social, explica quais cuidados devem ser tomados para que a pessoa não sofra com dores relacionadas ao posto de trabalho e o risco, no longo prazo, de não se adotarem medidas ergonômicas. Confira a reportagem da TV UFMG.