Calendário

Dezembro 2020
Seg Ter Qua Qui Sex Sáb Dom
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

'UFMG Talks em casa' aborda como as tragédias impactam a saúde mental

UFMG TALKSIncertezas, traumas, perdas e medos. Tragédias repercutem no ser humano, física e psiquicamente. De acordo com cartilha publicada pela Fundação Oswaldo Cruz, estima-se que, entre um terço e metade da população exposta a uma epidemia, pode vir a sofrer alguma manifestação psicopatológica, caso não seja feita nenhuma intervenção de cuidado específico para as reações e sintomas manifestados. Os fatores que influenciam o impacto psicossocial estão relacionados à magnitude da pandemia e ao grau de vulnerabilidade em que a pessoa se encontra.

Os receios e temores provocados pela pandemia do novo coronavírus, os riscos de contaminação e o isolamento social podem agravar ou gerar sofrimento mental, como alerta a Organização Mundial da Saúde (OMS). Outros acontecimentos trágicos, como o rompimento da barragem de Brumadinho, em janeiro de 2019, que resultou em 259 mortes, atestam que as emoções humanas devem ser consideradas com um dos fatores preponderantes para a saúde.

Para conversar sobre os impactos dessa pandemia e de outras catástrofes na saúde mental, o UFMG Talks em casa recebe, na próxima quinta-feira, 30 de julho de 2020, a partir das 19h, as professoras Cláudia Mayorga e Teresa Kurimoto, que abordam o tema sob a perspectiva da psicologia e da enfermagem.

Professora do Departamento de Psicologia, Cláudia Mayorga é pró-reitora de Extensão e coordenadora da Rede Saúde Mental da UFMG, com atuação de destaque nas áreas de psicologia social e feminismo, análise da desigualdade social brasileira, democratização da universidade e ações afirmativas.

Teresa Kurimoto é professora do Departamento de Enfermagem Aplicada e membro da Comissão Permanente de Saúde Mental da UFMG. Ela atua principalmente no cuidado, psicanálise, linguagem, inconsciente, corpo e estratégia de saúde da família

O UFMG Talks em casa tem duração de uma hora e será transmitido ao vivo no canal da TV UFMG no YouTube e na página do CCBB BH no Facebook. Após a apresentação, os convidados responderão a perguntas enviadas pelos internautas.
(Com Centro de Comunicação da UFMG)