Calendário

Dezembro 2019
Seg Ter Qua Qui Sex Sáb Dom
1
2
3
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

Samba de raiz com Batuque Beauvoir abre primeiro Quinta Cultural do ano

post fb 012No mês em que se celebra o Dia Internacional da Mulher, o grupo Batuque Beauvoir une samba e representatividade feminina na primeira edição do projeto Quinta Cultural deste ano. Nesta quinta-feira, 21 de março, às 12h30, quem passar pela arena do campus Saúde, em frente ao Restaurante Universitário, poderá se contagiar com letras que acompanham o empoderamento feminino e arranjos criteriosos de cantoras e musicistas de Belo Horizonte.

“É para sambar”, brinca Christiane Cordeiro, cantora e percussionista do grupo. Ela conta que toda a apresentação foi pensada para trazer boas sensações aos participantes. “Fizemos um arranjo diferente para que a música tenha um impacto legal”, comenta. Para embalar o público, o repertório conta com composições de grandes nomes do samba como Dona Ivone Lara, Moacyr Luz, Paulinho da Viola, Djavan entre outros.

Batuque Beauvoir nasceu no final de 2016, com uma formação completamente feminina. O nome é inspirado na filósofa e escritora francesa Simone de Beauvoir, feminista, que a partir de 1949, colocou a mulher no centro dos debates e rompeu com uma tradição filosófica que a mantinha invisível.

Sobre o projeto
O Quinta Cultural atualmente é coordenado pela Faculdade de Medicina da UFMG e tem como objetivo oferecer aos funcionários e estudantes do campus Saúde um espetáculo diferente e gratuito todos os meses. Ele integra o “DAC – Muitas Culturas nos Campi”, que promove a articulação, a interação e a interlocução entre todos os espaços culturais vinculados à DAC, potencializando ações artístico-culturais da UFMG.
(Com Centro de Comunicação da Faculdade de Medicina)